sexta-feira, 14 de setembro de 2007

ENTREVISTA COM BRUNO DOOKIE

Continua o segmento de entrevistas que anda sendo o hit do orkut, hoje com um dos pioneiros criadores dessa rede, que ainda faz um sucesso tremendo, o grande e criativo Bruno Dookie. Antes, umas informações pra você ter a noção de quem é ele.

Fã inveterado de Green Day, adotou 'Dookie' como sobrenome no orkut e assim fez fama que sustenta até hoje. Começou a criar comunidades que ainda não existiam em 2004 e após fazer parcerias e ganhar fãs, Dookie virou um dos caras mais populares de toda a face orkutiana, criando mais de 10 perfis para conter o tanto de pessoas que o adicionavam e ainda hoje faz sucesso com seu blog, o Pudim de Beterraba. Com essa fama toda, é claro que ele tinha que estar aqui no BOBtv em uma entrevista que concedeu sem firulas.




BOBtv - Pelo o que parece, você foi o primeiro grande criador de comunidades do orkut que se tem notícia. Conte como tudo começou, como elas ficaram conhecidas e como você se tornou esse ícone orkuteiro de hoje.

Bruno Dookie - Entrei no orkut em agosto de 2004, no começo queria ter idéias legais, realmente tive, mas elas já existiam. E que hoje são comunidades enormes. Depois de um tempo que entrei no orkut, criei duas comunidades que não existiam. Dookie, cd do green day e Adoro esvaziar a lixeira. Que crescia bem pouco. Em 4 meses nao tinha nem mil membros.
Logo fiquei muito amigo do moderador da green day brasil, além de postar sempre lá, me tornei "ícone" entre os fãs do Green Day. Que na época vinha ganhando novos fãs com o American Idiot. Eu era o único que postava notícias na comunidade, fotos novas, tirava duvidas, curiosidades e etc. A galera gostava do meu quarto cheio de posters, que na época era uma raridade pois nao encontrava posters da banda em qualquer canto, e achavam o máximo (ou não) eu me vestir como o Billie joe, vocalista da banda.
Nisso ganhei espaço nas comunidades relacionadas da Green Day Brasil, com o CD Dookie e também depois com a comunidade pedindo a banda no brasil. Com isso fui crescendo também a comunidade eu adoro esvaziar a lixeira.
Virei um dos fãs do Green Day mais conhecidos do Brasil.
Mas sem querer não parou por aí. em 2005 passava muito tempo na internet e no orkut, e resolvi começar criar comunidades idiotas. Que era tendência no orkut. Em junho de 2005 criei a "sempre fui no meu aniversário", que por ser tema óbvio atraía membros rapidamente. Fui crescendo rápido com a ajuda de uma moderadora de comunidade grande amiga minha. E com isso fui crescendo outras comunidades que eu fui criando na mesma semana. Como "meu orkut usou drogas", que na época era um sucesso porque o orkut era lerdo e só tinha erros, "nunca li um termo de contrato", "odeio cama com som nhec nhec".
Nessa brincadeira, comecei ter várias comunidades grandes e espaço para crescer qualquer coisa. E com o passar do tempo fui me aprimorando e tendo idéias mais inovadoras, com mais humor e mais atrativo para as pessoas. Depois disso, cresci no "boca-boca", e com facil retorno de relateds. Vale lembrar também que a disputa na época era menor, não tinha tanta gente, logo nao tinha tantas comunidades novas no orkut.



BOBtv - Você esperava tanto sucesso delas no começo?

BD - O sucesso não foi tão rápido assim, mas até que surpreendeu. Não foi da noite pro dia, mas até que em poucos meses eu já tinha várias comunidades grandes.
O que ajudou na época foi a comunidade "orkut nunca vai ser pago, porra", porque muita gente ajudava girar correntes de que o orkut seria pago. No fim de semana que relacionei a comunidade, 2 mil pessoas entraram, o que ajudou mais ainda no crescimento das outras que eram ainda pequenas.



BOBtv - Por você ser largamente conhecido, sua fama se espalhou entre milhares de pessoas facilmente. Alguém já te reconheceu em algum lugar público por conta do orkut?

BD - Já. Muitas vezes, mas raramente param pra falar por vergonha ou insegurança. "será que é ele?". Em shows é o mais comum. Já tiraram fotos de mim nos shows [ahhahaha]. Mas na hora ninguém me para, só vão depois perguntar no orkut se eu tava no show.
No metrô já leram minha mochila também "bruno dookie" e depois foram falar no orkut. E quando entrei na faculdade, umas pessoas já me conheciam. 4 no máximo. Uma veterana reconheceu pelo orkut, quando foi "adicionar o novo bixo", já chegou falando. "É vocêêê, aquele pop do orkut". No shopping, na rua, no ibirapuera também já.
As vezes sinto que tão me olhando com kara de "nossa é o Bruno Dookie". No shopping foi assim, e batata, me mandaram scrap no outro dia. No ibirapuera vieram perguntar mesmo se era eu. Eu perguntei "sou sim, pq? vc é meu amigo no orkut ?". Pq eu nao duvido que algumas pessoas ainda tenham a cara de pau de perguntar, "nao lembra de mim nao? te adicionei mês passado".

BOBtv - Há um tempo você era muito mais requisitado e muito mais conhecido, até por ser um dos únicos criadores de comunidades da época, lá no começo do orkut. Por conta disso você tem mais de 10 perfis para adicionar pessoas e gerenciar comunidades. Como você consegue administrar isso hoje?

BD - Tenho memória de porco-aranha [ahahhaa]. Os 10 perfis são lotados porque as pessoas gostam mais de status do que eu. Querem também ter perfis cheios. Mas diferente de mim, elas saem adicionando, eu era só o adicionado. Elas me adicionam, e eu não clico não, pra não parecer chato. O que ajudou a fama aumentar. Fazer o social com os orkuteiros. E eu uso programas que adicionam automaticamente. Antes era uns 50 por dia, hoje caiu um pouco.



BOBtv - E quando sua fama começou a se espalhar, qual sua reação com as pessoas declaradas fãs?

BD - Eu não entendia muito bem, Porque sempre me achei merdão. Uma pessoa comum. Fiz até cursinho pra entrar na faculdade [hahaha].


BOBtv - Você acha que sua fama tão arrebatadora deve-se ao fato de que no começo do orkut poucos faziam comunidades?

BD - Sim, a concorrência era menor. E também tem um fator importante. Eu não fazia parcerias com ninguém. Depois da primeira comunidade que me ajudou eu só crescia sozinho. Então as pessoas viam uma comunidade legal no related, e era minha, outra legal, era minha, nisso a curiosidade ia despertando. Até entrarem no meu perfil, ou entrarem na "to em comu do dookie".
Hoje essa comunidade não entra mais ninguém, além de não estar relacionada nas comunidades grandes que eu tenho, eu faço parcerias grandes agora. O que é ótimo para bombar mais as comunidades.
Se eu tivesse feito isso antes, eu teria comunidades muito grandes, entretanto, seria um pouco menos famoso.


BOBtv - Pudim de Beterraba é a sua marca registrada e virou até blog. Quando e como você começou a usar essa iguaria tão sublime da culinária?

BD - Fazendo a descrição da comunidade "ofereço comida no msn", usei esse nome idiota, que pra mim soava muito bem e engraçado. As pessoas começaram comentar demais sobre o nome, e comecei então usar em outras comunidades. Logo, as maiores tinham esse nome, o que chamou muito a atenção das pessoas. Elas circulavam pelas minhas comunidades pra achar esse nome, ou quando achavam sem querer, se cagavam de rir.



BOBtv - Falando no seu blog, quando e por que foi que você pensou em fazê-lo?

BD - Eu faço publicidade, então queria ter um espaço pra treinar criação, ter idéias, colocar imagens e idéias em prática, pra talvez quem sabe no futuro possam ser usadas no meu portfolio.



BOBtv - Sente-se orgulhado em ter tantas comunidades e tantas pessoas serem suas fãs?

BD - Eu não tenho muita noção disso. As vezes meus amigos falam, "sou amigo do Bruno Dookie". "Nossa, tô jogando bola com o Bruno Dookie". Tudo na brincadeira é claro. Mas é legal saber que gente de todas as idades gosta das suas idéias, do jeito com que você se expressa, fala merda e etc.


BOBtv - O tema das suas comunidades são mais rotineiros do que temas pra fazer graça, como os do 'C!', por exemplo. Da onde você tira as idéias, qualquer coisa do dia-a-dia vira tema?

BD - [ahhaha] é. Dormia com um caderninho do lado. Se eu tivesse uma idéia antes de dormir, anotava. Muitas comunidades surgiram assim. Outras no banho, outras cagando, outras durante o próprio cotidiano, que ia pros rascunhos do celular.
Se eu tivesse criado tudo que já pensei, e nao tivesse deletado nenhuma comunidade, (sim, deletei algumas pq nao tinha gostado muito depois de um tempo) eu teria pelo menos mais umas 100 comunidades.


BOBtv - Em muitas de suas comunidades, há uma propaganda sobre alguma campanha de algumas marcas. Você é pago para divulgá-las?

BD - Quando vi que o orkut começou bombar, investi mais meu tempo nisso pq sabia que um dia daria retorno. E deu. É uma agência de marketing viral que tem contrato com os "fodinhas" da net pra divulgar sites, campanhas e etc. Mas por mês não dá pra pagar nem metade das parcelas da minha ferrari.


BOBtv - Você vê algum aspecto negativo em ser famoso na internet?

BD - Ah muito. Se um dia eu tirar uma catota do nariz em um show, posso ter sido filmado. Ou coisas desse tipo. Lembro uma vez que empurrei uma senhora na linha do metrô. Mas tive de olhar bem pros lados pra ver se ninguém tava prestando atenção. É foda.



BOBtv - O que o orkut mudou na sua vida?

BD - Fiz amigos incríveis. Alguns que são tão importantes quanto amigos de infância e amigos próximos. Passei ter mais noção de discussões. Saber ouvir mais os outros e coisas do tipo. Conhecer mais as pessoas num aspecto geral, gosto, estilo, personalidades e etc. Deu pra crescer intelectualmente sim. Eu sinto pelo menos.
E é claro honey, ser o Bruno Dookie não é pra qualquer um... [ahaahaha]. Brincadeira.
E também esses contatos com marketeiros é ótimo pra mim. E também ganho experiencia, melhora o currículo, e por aí vai.



BOBtv - Sua profissão, além de ser popular no orkut é qual?

BD - Fiz um curso técnico uma vez. De segurança do trabalho. Até faço uns bicos disso. Mas quero seguir no ramo da publicidade. Tô no primeiro ano, na Cásper em SP.



BOBtv - Pra terminar: você recebe muitas cantadas por ser um grande criador de comunidades?

BD - Ah muitas. Sou gordo e vesgo, mas sabe como são as maria-orkut, né?


O blog Pudim de Beterraba - http://pudimdebeterraba.blogspot.com/
Bruno Dookie e um de seus perfis no orkut - http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=3822938314674452703
O próprio no YouTube - http://youtube.com/user/dookaralho


Sexta que vem, o incrível, batuta e pândego B!

7 comentários:

luninha_ghinato disse...

uaau

[o que é pândego? huahauhau]

- Isah. x3 disse...

"Já. Muitas vezes, mas raramente param pra falar por vergonha ou insegurança."

ksoaskaoks... semana passada eu vi ele 4 vezes e deu mó vergonha de falar oi! :P

vi no prensado, andando de bike, no prédio dele, e andando por ai. xP
adorei a entrevista. *-*

Miguel disse...

ODIEI.

PRIMEIRO?

ME DIZ AÍ O QUE VOCÊ FUMOU, PQ TÁ UMA LOUCURA SÓ.
SUAS COMUNIDADES SÃO PÉSSIMAS.

BEIJOS SE MATA

Isadora disse...

hsuahsausha!!
mUitOo bOaa a intrevistaaaa!

Bruno,jah dá pra vc ir nO jÔ soares!!
rsrsrs

Bem diveertidOo!!

ameii!

^^

Bjs

Hugo disse...

Mó legal essa entrevista com o Bruno, vi o link lá nos recados do PdB..

E entrevista com o B!, não perco por nada.. Hauhauahu
Pergunta por favor se alguém já descobriu quem é ele, só pra ver o que ele responde.. Hauhau

Valeu..

Carlos disse...

Nunca gostei das comunidades do Dookie, são óbvias demais e sem criatividade, ele teve sorte mesmo em ser um dos "primeiros".

Hugo disse...

Hauahauua
Eu também descobri quem é, faz um tempo, no começo do ano, só queria ver se ele lembrava.. hauahua
Valeu!